Gandini promete ajudar escola que fica próxima a barranco em Santa Leopoldina

O vice-presidente da Comissão de Educação da Assembleia Legislativa foi ao local, junto com o prefeito Romero Endringer, e disse que vai acelerar a busca de recursos do governo do Estado paraa construção do muro de arrimo.


O deputado estadual Fabrício Gandini (Cidadania), vice-presidente da Comissão de Educação da Assembleia Legislativa, visitou na última semana a Escola Municipal de Ensino Fundamental (Emef) Alfredo Leppaus, localizada em Holanda, na zona rural de Santa Leopoldina, e prometeu ajuda para construção de um muro de arrimo, já que uma parte do talude onde fica a unidade escolar ameaça desabar.

O trabalhador rural Thiago Porto denunciou à imprensa que a escola está em estado precário, com rachaduras e que fica próxima a um barranco, o que colocaria em risco os cerca de 200 alunos que estudam no local.

Acompanhado do prefeito Romero Endringer, de secretários, de representantes da Secretaria de Estado da Educação (Sedu), da diretora escolar e de membros da comunidade, o deputado Gandini fez questão de ir ao local para conhecer de perto os problemas da escola, que no noturno abriga os estudantes do ensino médio, na Escola Guilhermina Hulda Kruger Reinholz.

“Uma parte do talude onde está localizada a escola está cedendo. É urgente a construção de um muro de arrimo no local. Vou acelerar a busca dos recursos junto ao governo do Estado porque essa é uma obra emergencial”, declarou Gandini.

A escola já está contemplada pelo Funpaes (fundo estadual de apoio à educação), mas a reforma ainda não começou. Segundo o deputado, na sua visita de fiscalização, ficou constatada a necessidade ainda de uma quadra esportiva para que os alunos possam realizar as atividades físicas.

“Estou fechado com a população leopoldinense para conseguirmos as obras tão esperadas. Voltarei ao local em breve com as respostas”, garantiu o vice-presidente da Comissão de Educação.

Indagada pela imprensa, a Secretaria de Obras e Serviços Públicos da Prefeitura de Santa Leopoldina informou que foi realizado o isolamento da área de risco, para que os alunos não tenham acesso. Há uma entrada alternativa que é segura.

A administração também esclarece que há um plano de segurança com melhorias da estrutura do imóvel. Calhas foram instaladas. O projeto de reforma está em fase inicial de licitação e o muro de arrimo (contenção) está sendo avaliado.

 O deputado Gandini ouve a comunidade, que cobra melhorias em escola e contenção de área de risco para professores e alunos. *Crédito.* Assessoria parlamentar.

Categorias ,

jornalresgate